Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Viajar. Porque sim.

Paixão por viagens, escrita e fotografia

Viajar. Porque sim.

Paixão por viagens, escrita e fotografia

Croácia - diário de viagem - X - Seget Donji ou o dolce far niente

 

No nono dia da viagem (e último em Seget Donji) decidimos apenas descansar. Aproveitar o sol, o calor, a vista maravilhosa, a tranquilidade. Aproveitar para não fazer nada.

Croácia diário de viagem X.jpg

 

Como vos contei neste meu post, gostámos tanto de Seget Donji que optámos por ficar lá mais dias do que o inicialmente planeado. Entretanto mudámos para um apartamento ao lado do primeiro, este com dois quartos e duas casas de banho, e como tal ficámos ainda melhor e mais “à larga”.

Vila Marer, Seget Donji, Croatia (5).jpg

Vila Marer kitchen.jpgVila Marer living-room (2).jpgVila Marer living-room.jpgVila Marer bedroom 1.jpgVila Marer bathroom 1.jpg

 Vila Marer bedroom 2.jpgVila Marer bathroom 2.jpg

  

Sou uma adepta incondicional de pequenos-almoços principescos e tomados com calma, mas no dia-a-dia só ao fim-de-semana é que consigo satisfazer esta minha preferência, e mesmo assim nem sempre. Normalmente aproveito as viagens para me “vingar”, e em Seget Donji foi sempre a minha refeição favorita do dia, apenas pela simples razão de que podia tomá-lo na varanda com uma vista de 180° para esta maravilhosa paisagem.

Vila Marer, Seget Donji, Croatia (6).jpg

 

Mas a Villa Marer tem ainda outro motivo que nos faz ter vontade de não sair de lá. Para falar verdade, e além de todas as outras razões de que já aqui falei, este foi o principal motivo pelo qual decidimos ali ficar mais dias. Curiosos? Então vejam.

Vila Marer, Seget Donji, Croatia.jpg

Vila Marer, Seget Donji, Croatia (7).jpg

 

Vila Marer, Seget Donji, Croatia (3).jpg

 

Pois é isto mesmo: no jardim há uma fantástica piscina que termina mesmo sobre o passeio junto à praia, concebida de tal modo que o mar parece um prolongamento dela própria. Uma delícia difícil de pôr em palavras, e nem mesmo as fotos conseguem fazer justiça ao local. Suficientemente resguardado para proporcionar a privacidade desejada, e ao mesmo tempo permitindo-nos usufruir da paisagem, com espreguiçadeiras confortáveis e grandes chapéus-de-sol foi o local ideal para passarmos, durante os dias que ficámos na Villa Marer, várias horas num dolce far niente, ideal para retemperar o corpo e o espírito.

Encontram mais fotos e informações sobre a Villa Marer aqui e aqui.

 

Vila Marer, Seget Donji, Croatia (8).jpg

Mas como nem só de descanso vive o Homem e havia que comer qualquer coisa, ao almoço fomos experimentar um outro restaurante ali perto, o Terrasa, que tem um espaço exterior muito agradável, aberto para o lado da praia, e uns pratos de peixe e marisco bem confeccionados e saborosos.

Terrasa (1).jpg

 

Terrasa (2).jpg

Terrasa lunch (1).jpg

Terrasa lunch (2).jpg

De regresso ao apartamento, um último passeio junto à praia – confesso que já com saudades. Mas sem tristezas, que no dia a seguir íamos rumar novamente a sul, para passarmos uns dias naquela que é a cidade mais bonita do país: Dubrovnik.

Seget Donji beach, Croatia.jpg

 

← Dia 8 da viagem: Brač e Zlatni Rat ou na praia mais fotografada do país

 Dia 10 da  viagem: Trogir-Dubrovnik ou como atravessar um país em quinze minutos →

Ao acaso #42 Palácio de Monserrate, em Sintra

 

ao acaso #42 palácio de Monserrate, em Sintra.jpg

Jóia da arquitectura romântica, o Palácio de Monserrate foi construído em 1858 por encomenda de Sir Francis Cook, visconde de Monserrate, para residência de Verão da sua família. A quinta já tinha sido visitada no início do século por Lord Byron, que descreveu os seus encantos no poema "Childe Harold's Pilgrimage".